IMPACTOS DECORRENTES DE UHES EM POVOS INDÍGENAS: UMA APROXIMAÇÃO TEÓRICO-METODOLÓGICA A PARTIR DOS DETERMINANTES SOCIAIS DE SAÚDE (DSS)

Autores

  • Rafael Ademir Oliveira de Andrade

Palavras-chave:

Determinantes Sociais de Saúde; Amazônia; Rondônia; Povos Indígenas.

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo realizar uma aproximação teórico-metodológica da análise a partir de Determinantes Sociais de Saúde (DSS) com a pesquisa com povos indígenas impactados por grandes empreendimentos infra estruturais energéticos, especialmente as Usinas Hidrelétricas de grande porte (UHE), utilizando-se de análises previamente realizadas sobre o caso das UHE do Complexo do Madeira em Rondônia e os povos impactados. De natureza qualitativa e exploratória, esta pesquisa utilizou-se de uma metodologia de revisão por aproximação temática, onde a partir de estudos prévios e inserções em bancos de dados, o autor coletou dados para que de forma inicial (uma aproximação) pesquisas de diferentes campos científicos fossem associadas na tessitura do texto aqui apresentado. Concluímos que a DSS é uma importante ferramenta para análise dos impactos sociais em povos indígenas decorrente de grandes empreendimentos, principalmente por apontar uma conexão com a análise em escalas e permitir uma interconexão entre cultura e dados mais quantitativos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2023-11-23

Como Citar

Rafael Ademir Oliveira de Andrade. (2023). IMPACTOS DECORRENTES DE UHES EM POVOS INDÍGENAS: UMA APROXIMAÇÃO TEÓRICO-METODOLÓGICA A PARTIR DOS DETERMINANTES SOCIAIS DE SAÚDE (DSS). Intercursos, 1(1). Recuperado de http://intercursos.org/index.php/intercursos/article/view/6

Edição

Seção

Artigos